França : Livro para futuros pais em conjunto com a associação « Pâtes au beurre »

Em 2017, um apoio de 18 500 euros foi concedido à associação Pâtes au beurre para a realização deum boletim de saúde dedicado à "gravidez psíquica". A das mães, cujo acompanhamento médico, por vezes um pouco invasivo, deixa de fora os aspetos psíquicos e emocionais que são extremamente importantes. Mas também a dos pais, frequentemente convidados para a sala de parto, mas muitas vezes não verdadeiramente envolvidos na aventura da gravidez e do pós-nascimento.

Fundada em 1999, em Nantes, pela psicóloga e psicanalista Sophie Marinopoulos, a associação Pâtes au beurre tem como missão "cuidar das ligações" pais/filhos. Visa, assim, alimentar a obra com uma longa experiência de acompanhamento de pais e futuros pais. "Revelaram-nos de que era feita a intimidade e como, apesar de todos os esforços da medicina para os tranquilizar relativamente à saúde do bebé em gestação, surgiam sempre inquietações, angústias, ideias estranhas, vontade de fugir ou que tudo parasse. Pensamentos que não encontravam espaço para serem partilhados, revelados ou contidos (…). E aqui situa-se a gravidez psíquica, seja ela do lado das mães ou dos pais”.

Com um total de 2000 exemplares impressos, este boletim é acompanhado por ilustrações humorísticas que pontuam a leitura. Divide-se em duas partes iguais, uma dedicada à futura mãe – com capítulos sobre temporalidade durante a gravidez, o papel das hormonas, a vida sexual… – e outra ao futuro pai – com capítulos sobre a alteração do seu estatuto de homem, o lugar das emoções, "a estranheza inquietante" da sua companheira em plena metamorfose...